quinta-feira, 1 de julho de 2010

HOJE É 1° DE JULHO

Share on Tumblr
De um dos melhores discos da Legião Urbana, a música "1° de Julho" de Renato Russo, composta para Cássia Eller, não é tão famosa quanto "Dezesseis" ou "A Via Láctea" do mesmo disco, mas eu a colcaria no mesmo patamar de "Faroeste Caboclo" ou "Eduardo e Mônica" entre tantas outras.

A intenção desse post é mostrar para quem aida não conhece a faixa... ou para os que a amam e nunca vêem alguém falar dela.

Ouça:

3 comentários:

  1. é as pessoas esquecem da boa e velha musica!
    daqelas que tem conteudo,uma ótima musica.
    parabens continue assim!

    ResponderExcluir
  2. Grande Legião Urbana essa banda é tudo pra mim, conheço todas musicas é o trabalho do Renato Russo amo muito tudo isso. Ele foi um grande é o melhor poeta pra mim que já existiu hehe, o legal do Renato Russo é a facilidade que ele tinha de passar o que ele estava sentido pra suas musicas. Renato Russo “faz” parte da minha vida ele é meu herói, meu poeta, meu anjo perfeito... A musica 1 julho é linda como foi citado logo ali em cima não é muito conhecida mais como tudo do Renato Russo é muito bom de se ouvir!*

    ResponderExcluir
  3. Aliás, A Tempestade é um disco muito bom! E tem gente q ainda n sacou isso.

    ResponderExcluir

Obrigado por comentar! Sua participação é muito importante!

É de fãs que participam de que o Rock Nacional Precisa!

Só não serão tolerados preconceitos e ofensas a quem quer que seja, pelo bem do Rock Nacional.

Linkwithin













#CAMPANHA @SigaRockBrasil

Desafiamos a todos o fãs de Rock Nacional a se unirem neste espaço democrático e provarem que independente do que a mídia tenta impor, nada substitui o bom e velho Rock Nacional. Siga o blog, divulgue, comente... É muito fácil, até crianças de 12 anos se únem por suas bandas favoritas e dominam a mídia! É, temos que conviver com o fato de que se trancar no quarto e ouvir seus hits não faz o Rock Nacional ganhar mais fãs e, em vez de promovê-lo, ajuda a acabar de matá-lo! Junte-se a nós.